ILÊ MULHER

Casa Lilás

A Associação Cultural e Beneficente Ilê Mulher, após quatro anos de luta pela implantação de mais uma casa abrigo para mulheres vítimas de violência em Porto Alegre, e ter encaminhado projeto para a FASC/POA, em 2008, finalmente é aprovada e aceita a reivindicação do movimento de Mulheres.

Imagem 005

O Ilê Mulher assina, em 2009, convênio para gerenciar a Casa Abrigo (Casa Lilás) para mulheres com filhos até 12 anos, em situação de vulnerabilidade e risco social. São abrigadas 10 mulheres com até 20 crianças. O acolhimento sempre acontece levando em conta o respeito aos direitos humanos das mulheres e observando o Estatuto da Criança e Adolescente.

casalilas3           casalilas4

ME ENCONTREI!

Me encontrei!
O SCFV
Do Ile Mulher,
Já pude perceber,
Não é um lugar qualquer.
Na básica proteção,
Lida com a complexidade,
E sua base pra prevenção
É o que agrava a vulnerabilidade.
Trabalha a redução de danos,
E tem muita técnica pra luta,
Não tenta impor seus planos,
Os constrói a partir da escuta.
Harmoniza a convivência
Onde os vínculos fortalecem,
Estimulando a consciência,
E que todos se expressem.
Favorece a reflexão
E acolhe o sentimento,
Incentiva a comunicação
E valoriza o pensamento.
Na demanda individual
Tem um papel pro ativo,
Mas seu foco principal
É o sujeito coletivo.

Carlinhos Guarnieri
14/04/2017.

RÁDIO ILÊ MULHER

www.radio.ilemulher.org.br

RÁDIO WEB ILÊ MULHER
na ONG do rádio